13 julho 2010

De Orjais ao Paraiso


Foi precisamente 1 viagem ao paraíso que este Domingo o Amigo António Cabaço (AC) proporcionou no seu VIII Raide a Mim, ao próprio AC, ao mano Luís, ao Silvério, ao Nuno Eusébio, ao Chico, ao João Afonso, ao Luís Lourenço e ao Sérgio Marujo, fomos nos os felizes participantes nesta aventura pelo paraíso das actividades ao ar livre em Portugal, o imponente aglomerado de calhaus que dá pelo nome de Serra da Estrela.


O dia da aventura começou em festa, o AC completou 58 primaveras (que faça muitos grande amigo comigo a penar montanhas acima atrás de si) e em festa foi até ao fim pois cada vez que olhava para os lados as paisagens até feriam a vista, magnificas.


O dia começou logo às 05h00, lasanha pro forno que isto hoje vai ser duro. às 06h30 o AC veio-me buscar e bikes no carro para Orjais para a grande aventura que começou às 08h00.


Subimos logo para o Cabeço da malhada, prémio de montanha de 1ª categoria.


1 lagarto no relva do Glorioso? É que isto do Btt é muita camaradagem sem rivalidades e o Silvério apesar deste defeito é 1 tipo à maneira.



Descemos para a bela aldeia de Verdelhos.


Aqui fizemos o 1º abastecimento, na serra não falta agua fresquinha.




Subimos para o Poço do Inferno, 1ª categoria, parando para apreciar o magnifico vale glaciar do Zêzere e comer bem, pois seguia-se a subida para a Nave de STº António, categoria especial.




A malta toda animada depois da dura subida a caminho da Nave de STº António.






Depois de alguns km mais calmos seguiu-se o Covão do ferro e Vale Glaciar da Alforfa.




Aqui passamos pelas lindas aldeias de Cortes e Azenha de Ribeira de Bouça.


Pião e Cantar de Galo onde paramos num tasco para beber 1 bejécas fresquinhas pois a aventura estava a chegar ao fim


Para terminar Aldeia do Carvalho, Cabeço do Ribeiro do Boi, 2ª categoria e descida sempre a abrir de regresso a Orjais onde chegamos às 19h00 . Grande poeirada.


E assim foi esta magnifica jornada de BTT que durou 11h00 e teve mais de 90km soberbos, nunca tinha andado de Btt num local como este, só mesmo o companheiro AC para meter-nos nisto, trago a memoria cheia de magnificas visões e sensações, obrigado a todos os que participaram nesta aventura pela sempre presente boa disposição, grande camaradagem e imensa dose de masoquismo (11h00 pela serra a dar ao pedal, esta gente é toda maluca).

1 comentário:

BTT-ALBI disse...

Foi sem duvida um dia inesquecível aquele que nós dois mais os restantes companheiros tivemos. 11 Horas e 90 Km que irão permaneceu muito tempo na nossa memória.
Obrigado pela companhia e camaradagem que me facultas-te durante o mesmo.
1 abraÇo.